TPM O Que é? Tipos, Sintomas, Tratamento e Prevenção

Milhares de mulheres no mundo inteiro sofrem com os sintomas da TPM. Estes sintomas se agravam de acordo com o estilo de vida de cada uma. Entretanto, existem maneiras de identificar e amenizar os incômodos da fase pré menstrual.

Sendo assim, não é obrigatório que você sofra todos os meses com sintomas como dor de cabeça, alteração de humor, emocional depressivo, ansiedade entre outros. Basta buscar a ajuda capacitada para orientar sobre a maneira correta de se tratar.

TPM O Que é?

TPM - Veja
Como Tratar a TPM?

TPM (Tensão Pré Menstrual) é o nome dado a uma série de sintomas percebidos alguns dias antes do início do período menstrual. Estes sintomas podem variar de pessoa para pessoa. Além disso, podem ser percebidos cada mês de uma maneira.

Ou seja, existem mulheres de são mais sensíveis as alterações hormonais que ocorrem durante o ciclo menstrual, sendo assim, apresentam mais sintomas da TPM. Outras, até mesmo devido ao estilo de vida, muitas vezes nem percebem as alterações hormonais deste período.

Leia Gravidez Psicológica Sintomas Causas e Tratamento

TPM Tipos e Sintomas

Os sintomas originados da tensão pré menstrual são variados e podem mudar de um mês para o outro. Para facilitar o diagnóstico, especialistas agruparam estes sintomas em 5 classes. Assim, o tratamento de cada tipo de tensão é mais assertivo. Veja:

  • TPM A: a mulher apresenta sintomas são ligados a ansiedade. Como por exemplo: tensão, irritabilidade e humor alterado;
  • TPM C: a mulher sente necessidade compulsiva de comer. Contudo prefere alimentos calóricos, doces ou salgados. Em alguns casos apresenta dor de cabeça.
  • TPM D: a mulher apresenta sintomas como baixa autoestima, sentimentos depressivos, de raiva ou violentos .
  • TPM H: a mulher apresenta sintomas ligados a retenção de líquidos como inchaço nas mamas, nas extremidades do corpo ou na região pélvica.
  • TPM O: neste tipo, a mulher apresenta um mix de sintomas bem variados. Desde alterações intestinais e de pele, até náuseas e enjoos.

Desta maneira, o ginecologista consegue identificar o tipo de sintoma e avaliar se realmente se trata de uma tensão pré menstrual. Especialistas ressaltam que estes sintomas são considerados como pré menstruais uma vez que iniciam 5 a 10 dias antes do início da menstruação e encerram após o primeiro dia do fluxo menstrual.

Caso a mulher seja acometida pode alguns destes sintomas por um período maior do que o considerado acima, deve procurar ajuda médica para uma avaliação mais criteriosa. Pois, no caso da tensão pré menstrual, eles aparecem e vão embora conforme acontecem as alterações hormonais durante o ciclo.

Como Tratar a TPM?

Não existe um remédio que cure a tensão pré menstrual. Contudo existem medicamentos capazes de amenizar os sintomas de maneira eficiente. O importante é procurar ajuda médica uma vez que os sintomas comecem a causar certo desconforto. Ou até mesmo prejudiquem a saúde, vida social ou trabalho.

O mais indicado seria uma consulta com um ginecologista. Pois ele poderá solicitar exames para constatar se os sintomas se tratam realmente de uma tensão pré menstrual. Posteriormente, indicará um medicamento anticoncepcional, ansiolíticos ou anti-inflamatórios para auxiliar no controle dos sintomas.

Existem mulheres que são acometidas por um estágio mais grave da TPM, chamado de TDPM (transtorno disfórico pré menstrual). Com sintomas incapacitantes acompanhado de muita dor. Estes casos devem ter um acompanhamento mais específico.

O tratamento do TDPM pode ser realizado com medicamentos antidepressivos, controle hormonal e diuréticos. Tanto para a TPM quanto para o TDPM pode ser indicada a acupunturara e medicamentos homeopáticos.

Como Prevenir a Tensão Pré Menstrual?

A mudança de alguns hábitos podem ajudara minimizar os sintomas da tensão pré menstrual. Como por exemplo:

  • Realizar atividades físicas: o hábito de fazer exercícios físicos é benéfico para a saúde em diversos aspectos. Entre eles, ajuda a eliminar a ansiedade e estresse que aumentam no período pré menstrual;
  • Alimentação: adquirir hábitos alimentares saudáveis, com menos gordura e mais alimentos integrais, frutas, verduras e legumes;
  • Cafeína: diminuir alimentos que possuem grande concentração de cafeína;
  • Sal: diminuir o consumo de sal e aumentar a ingestão de água, para evitar o inchaço e retenção de líquidos;
  • Álcool: a ingestão de álcool deve ser diminuído, pois pode agravar os sintomas da TPM. Além disso, em casos de tratamentos medicamentosos, bebidas alcoólicas são contraindicadas.

Veja Gravidez Tubária Sintomas Duração e Como é o Tratamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *